top of page
  • Foto do escritorviniciusfalcaoamar

CONDROMALÁCEA PATELAR X CROSSFIT : O que é, fatos curiosos e como lidar?

Este nome assusta, de fato...


Recebo com frequência no consultório pacientes à procura de ajuda com exames de imagem apontando este achado e com medo de abandonar suas atividades físicas.


Calma! Não há motivo para todo esse pânico. Vamos começar entendendo a anatomia do joelho primeiro:


– A patela (popularmente conhecida como rótula) é um osso flutuante na frente do joelho e tem a função principal de otimizar o movimento de dobrar e estender o joelho, serve como uma “polia” para os músculos. Ela desliza (flutua) em cima de um trilho sobre os côndilos do fêmur e sua cartilagem está localizada em sua porção posterior.



Vídeo = Patela durante a movimentação de dobrar e estender o joelho. Já deu para perceber que tem haver toda uma sintonia muscular para esse deslizamento ocorrer sem maiores comprometimentos?


Aprendemos como o joelho funciona, agora vamos fragmentar o nome "Condromalácea Patelar":


1- Condro = Cartilagem


2- Malacia = Amolecimento


3- Patelar = Osso flutuante na frente do joelho.


*Você pode ter escutado como “Condropatia” também.


DEFINIÇÃO?

Um nome grande para dizer que a cartilagem posterior à patela e ossos subjacentes apresentam algumas alterações decorrente do uso e envelhecimento (graduadas de I à IV).


Grau 1 = Quando há apenas um “amolecimento” da cartilagem


Grau 2 = Há um desfiamento da cartilagem


Grau 3 = Há rachaduras na superfície


Grau 4 = Há exposição do osso subjacente.



O QUE CAUSA?

Quaisquer alterações nas forças atuantes sobre a patela, ou imperfeições nas superfícies ou formato ósseo, podem precipitar o aparecimento de alterações na cartilagem. É uma patologia que pode ter origem genética (anatômica) ou traumática ao longo do tempo.



QUEIXA FREQUENTE AO PROCURAR AJUDA?

Dor na região anterior do joelho (não sabem apontar bem, ela é difusa) ao ficar muito tempo sentado, subir e descer escadas, agachar ou correr.



Imagem 1: Uma das queixas frequentes é a de subir escadas ou ficar longos períodos sentado(a).

 

Deu pra ter uma noção geral do que se trata? Vamos agora a 5 FATOS que você deveria saber sobre a Condromalácea Patelar:

1️⃣ A CARTILAGEM É UM TECIDO DO CORPO SEM INERVAÇÃO E VASCULARIZAÇÃO. Portanto, ele não será responsável por carregar estímulos nervosos de dor e nem possui a capacidade de inflamar e regenerar;


2️⃣ EXAMES DE IMAGEM apontam alterações na cartilagem articular tanto em pessoas com dor patelofemoral quanto os assintomáticos. Mais uma com o selo #examedeimagemnãocola;


3️⃣ A CARTILAGEM PATELAR É UMA DAS MAIS ESPESSAS do corpo para aguentar o montante de cargas compressivas que o joelho é submetido ao longo do dia. Seu joelho não é frágil!;


4️⃣ UMA VEZ COM CONDROMALÁCIA, sempre condromalácia. Não tem cura (rever item 1), porém, sua dor no joelho tem salvação. Não será preciso deixar de fazer nada na vida;


5️⃣ A DOR SENTIDA na parte anterior do joelho faz parte de uma condição que chamamos de “dor patelofemoral” com características:

- Início sem trauma específico

- Localização imprecisa na parte anterior do joelho ou periferia da patela;

- Acentuada em movimentos de carga do membro inferior (agachamento, subir e descer escadas...)


Conclusão: Não é a sua condromalácia que dói, nunca diga isso. Nem ela nunca poderá te impedir de fazer qualquer coisa.


E O MEU CROSSFIT?


Imagem 2 = O Crossfit é uma atividade física que exige uma demanda grande dos seus membros inferiores.


"Ok, MV... Eu entendi o que é, como funciona e alguns fatos, mas eu quero saber sobre o meu Crossfit! Descobri que tenho condromalácea e quero saber se precisarei abandonar."


Já lidei com diversos casos nesse últimos anos de dor patelofemoral e uma coisa é certa: é possível tratar de maneira conservadora! Inclusive, dá pra vencer campeonatos.


Você precisará se cercar de cuidados maiores com o corpo, flexibilidade, mobilidade, fortalecimentos... Um membro inferior que transmite bem as cargas é um membro saudável do ponto de vista funcional.


E a “conta pra pagar” no final acaba que não fica nas costas dos joelhos!


Isso um fisioterapeuta atualizado pode conseguir para você e o seu joelho! Não precisa abandonar suas atividades físicas.


*Exercícios terapêuticos para quadril e joelho possuem o mais alto nível de recomendação de acordo com as diretrizes da JOSPT de Dor Patelofemoral. #ficaadica


p.s.: Dá uma conferida na nossa loja do site. Lá você encontrará acessórios para os exercícios requeridos, podemos te ajudar a implementar!

 

Espero que você esteja bem. 🙏🏽


Precisando de ajuda para se ver livre de dores ou de lesões? Agende seu horário! 99702-9439📲


REFERÊNCIAS:

1- WILLY R W et al. Patellofemoral Pain: Clinical Practice Guidelines. JOSPT. 2019.


2- VAN DER HEIDJEN R A et al. No difference on quantitative magnetic resonance imaging in Patellofemoral Cartilage composition between patientes with patellofemoral pain and healthy controls. The American Journal of Sports Medicine. 2016.



0 visualização0 comentário

Comments


bottom of page